10 pedais para Guitarra – Parte 2 (Reverb, Delay e Wah Wah)

facebooktwitter

O que faz cada pedal de efeito? Você sabe a diferença entre os principais tipos de pedal de distorção? E os pedais de ambiência? Veja a resposta a essas e outras perguntas nesse post.

Na Parte 1 dessa série de posts, falamos sobre pedais de distorção (fuzz, overdrive e distortion) e sobre o pedal de compressão. Leia sobre esses pedais clicando aqui.

Agora, vamos falar sobre os pedais que, na nossa modesta opinião, causam maior impacto sem criar um efeito artificial: os pedais de ambiência. Vamos também falar sobre outro pedal clássico e mágico: o pedal de Wah Wah.

Strymon blueSky

Pedais de ambiência

Como o próprio nome sugere, esses pedais criam um efeito que simula a acústica de um determinado ambiente. Criam a sensação de estar tocando em um lugar enorme – como uma catedral – ou um lugar menor – como um pequeno anfiteatro.

Uma sensação muito irada! Delay e Reverb são exemplos de pedais de ambiência e são considerados os efeitos mais caros do mercado.

Pedal de Reverb

Esse pedal simula o efeito da reverberação de um som em um ambiente fechado. Isso permite que mesmo em um ambiente com acústica pobre a sua guitarra soe com mais “profundidade”. Legal, né!?

Por isso que o reverb é um dos efeitos mais procurados pelos guitarristas! Mas a dica é ficar atento a um aspecto importante do reverb. Se você toca sempre com esse efeito ligado, isso – de certa forma – vai mascarar o seu timbre e a sua pegada e vai atrapalhar que você preste atenção nesses fatores que são bem importantes.

É claro que não podíamos deixar de falar dos tipos de reverb:

  • Reverb Digital: um pedal com um processador interno que simula, no mundo digital, os efeitos de reverb da vida real. Pode ser de uma catedral, de uma pequena sala, um reverb de mola, de prato…
  • Reverb Mola: um pedal com um tanque de mola, que cria mecanicamente (por meio de uma mola) um efeito que simula a reverberação acústica.

Cada um dos tipos de reverb tem características únicas (mas isso é um assunto para um próximo post). O que podemos adiantar é que se a sua intenção é simular um reverb de um ambiente real, o reverb digital geralmente vai cumprir melhor esse papel, mas se você pretende obter o reverb característico dos seus grandes ídolos do passado, o reverb de mola é a pedida.

Outro fator importante a considerar é que um pedal de Reverb de Mola é feito a partir dos chamados “tanques de mola”. Esses tanques são grandes demais (por volta de 20 a 40cm) para caber em um pedal de tamanho decente. Por esse e por outros fatores (sonoridade mais natural e versatilidade), o mercado hoje é dominado por pedais de reverb digitais.

Pedal de Delay

O pedal de delay gera uma espécie de atraso (por isso o nome DELAY!). Ao atrasar o som é criado, então, uma espécie de eco (o que dá a ideia de um ambiente realmente grande).

Você pode optar pelos delays eletrônicos – os mais modernos. A vantagem que se tem é possuir uma capacidade maior de armazenamento de dados. Ou seja, gerar um delay de mais de 1 segundo.

Mas tem muito guitarrista por aí que curte bem mais o efeito do som analógico, que produz uma pegada mais vintage. Vai de cada um, certo!?

Pedal de Wah Wah

Não sabe como é esse efeito? Ouça Jimi Hendrix. O mestre curtia a ideia e fazia a guitarra chorar usando o efeito Wah Wah.

O que você pode conseguir com isso? Um efeito que lembra a voz humana. Isso mesmo. Meio louco, né! Pressionando o pedal para trás, sai um som mais grave. Pra frente, mais pro agudo! Sons que parecem vogais.

Basicamente, ele é um filtro de frequências que atua amplificando uma determinada faixa. Efeito muito popularizado por guitarristas de música pop, rock e blues.

George Harrison, Matt Bellamy, Tony Iommi e Carlos Santana são bons exemplos de guitarristas que mandavam um som ao bom estilo “Wah Wah”.

Confira a série completa de posts sobre Pedais para Guitarra!

Ainda tem mais… muito mais! Confira aqui a série completa de posts sobre pedais para guitarra.

 

Gostou do post? Tem dúvidas, críticas ou comentários? Tem sugestões para os próximos tópicos? Não deixe de deixar sua participação!

1 pensamento em “10 pedais para Guitarra – Parte 2 (Reverb, Delay e Wah Wah)”

  1. NÃO SOU MUSICO PROFISSIONAL PORÉM APRECIO OS EFEITOS DECORRENTES NOS RIFFS DENTRO DE UM CONTEXTO MUSICAL. VENHO COMO APRENDIZ DESTES EQUIPAMENTOS PARA APRENDIZADO E MELHORA NA EXECUÇÃO MUSICAL.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *